Novo Míssil da Coreia do Norte é desrespeito à China, diz Trump

Coreia do Norte fez teste de míssil na manhã deste sábado, no horário local. Trump diz que é desrespeito à China

O lançamento falho envolveu mísseis não-nucleares de curto alcance capazes de alcançar Seul.

A Coreia do Norte tentou testar um míssil balístico no início do sábado, que falhou pouco depois do lançamento, informou a agência de notícias Yonhap da Coreia do Sul.




O teste, de acordo com as forças armadas sul-coreanas, foi realizado na província de Pyongan Sul aproximadamente às 5:30 da manhã.

“A Coreia do Norte disparou um míssil não identificado de um local na vizinhança de Bukchang, em Pyeongannam-do (Província de Pyongan Sul), na direção nordeste, às 5:30 da manhã de hoje”, afirmou o Estado-Maior Conjunto dos Estados Unidos em um comunicado. “Estima-se que ele falhou.”

De acordo com as autoridades dos EUA que falaram com a NBC News, o teste falho envolveu um “míssil não-nuclear de curto alcance” capaz de chegar a Seul.

A tentativa de lançamento ocorre apenas um dia depois que o presidente Donald Trump, em uma entrevista publicada pela Reuters na quinta-feira, disse que um “grande, um grande conflito” era possível com a Coreia do Norte.

“Há uma possibilidade que nós poderíamos acabar tendo um grande, um grande conflito com a Coreia do Norte. Absolutamente,” – disse Trump. “Nós gostaríamos de resolver as coisas diplomaticamente, mas está muito difícil.”

O secretário de Estado norte-americano, Rex Tillerson, afirmou na sexta-feira na ONU que “consequências catastróficas” poderiam ocorrer se os programas nucleares e de mísseis balísticos da Coreia do Norte continuarem.

Um oficial sênior de Trump sob a condição de anonimato na quarta-feira, disse a repórteres fora da reunião secreta na Casa Branca que os “preparativos militares” também estão em andamento.




“O que você vê é realmente um esforço integrado para priorizar os aspectos diplomáticos e informacionais do poder nacional, mas também o que você verá em breve, será o uso da dimensão econômica do poder nacional, bem como os preparativos militares que estão em andamento”, disse o oficial.

O teste fracassado, o segundo deste mês, acompanha o maior exercício de artilharia de fogo da Coreia do Norte realizado na terça-feira para o 85.º aniversário do exército do regime.

Coreia do Norte realiza maior exercício militar com fogo real de sua história; veja imagens

A Coreia do Sul conduziu similarmente um exercício de artilharia de fogo com os Estados Unidos na quarta-feira, a apenas 15 milhas da fronteira da norte-coreana.

A China, que tem sido cada vez mais pressionada pela administração Trump para reprimir as ambições nucleares da Coreia do Norte, disse também na quinta-feira que fará exercícios de artilharia de fogo e testará novas armas em resposta à implantação do sistema anti-míssil americano THAAD. na Coreia do Sul.

Fonte.: G1, Globo, aNovaOrdemMundial.com

Deixe seu comentário