Assustador: Furacão Matthew é visto do espaço pela ISS

As câmeras da Estação Espacial Internacional (ISS) capturaram imagens dramáticas do gigante furacão Matthew, a mais de 400 km de altitude.

O registro foi feito no dia 03 de outubro, poucas horas antes do furacão atingir Haiti e Cuba. Segundo oficiais da NASA, Matthew está gerando ventos de até 225 km/h. O vídeo registrado pela ISS nos mostra a real dimensão do gigantesco furacão Matthew, que nos assusta com seu tamanho, mesmo quando visto do espaço.


O furacão Matthew representa um risco gigantesco para o Caribe a toda a costa leste dos EUA. Na escala Saffir-Simpson, que mede o risco potencial que os furacões representam, o furacão Matthew foi inicialmente classificado como um furacão de categoria 4. A escala vai de 1 (baixo risco) até 5 (risco extremo). Na manhã dessa quarta-feira, ele foi rebaixado para a categoria 3.

No último dia 04, mais de 1,3 milhão de pessoas deixaram suas casas no leste de Cuba. No Haiti e na República Dominicana, foram 9 mortes confirmadas. Nessa quarta-feira, dia 05, o furacão Matthew segue em direção às Bahamas, e é esperado que atinja a costa leste dos EUA nas primeiras horas dessa quinta-feira, dia 06 de outubro.

Os governos da Flórida e Carolina do Norte decretaram estado de emergência. Na Carolina do Sul, foi ordenada evacuação do litoral, e milhões de pessoas estão deixando suas casas no extremo sudeste dos EUA.

Deixe seu comentário