Estado Islâmico ameaça Estados Unidos em suposto vídeo

O Estado Islâmico divulgou um novo vídeo nesta segunda-feira (16), onde ameaça os países que ajudarem a França nos bombardeios na Síria. Na gravação, um homem afirma que os aliados franceses terão o mesmo destino que Paris, alvo de atentados que deixaram 132 pessoas mortas e mais de 350 feridos na última sexta-feira (13).

“Nós dizemos aos Estados que participam da campanha cruzada que, por Deus, vocês terão um dia se Deus Quiser, como o da França, e por Deus, como nós atingimos a França no centro de sua morada em Paris, nós juramos que vamos atacar a América em seu centro em Washington”, diz um jihadista.

Manuel Valls, primeiro-ministro da França, afirmou mais cedo que o governo já foi informado de que novos atentados já estão sendo planejados pelo grupo terrorista.

“Sabemos que existem operações que estavam sendo preparadas e estão sendo preparadas contra a França e outros países europeus”, disse o primeiro-ministro em entrevista à rádio RTL.

Os atentados podem acontecer “nos próximos dias, nas próximas semanas”, advertiu Valls. A França deve estar preparada para novos atentados porque pode ser atacada novamente “nos próximos dias, nas próximas semanas”, completou.

“Vamos viver por muito tempo com esta ameaça, e precisamos estar preparados”, insistiu. Os atentados de sexta-feira passada em Paris, que deixaram 129 mortos, foram “organizados, pensados e planejados a partir da Síria”, disse.

Na cidade de Lyon, cinco pessoas foram detidas e armas foram apreendidas, incluindo um lança-granadas, coletes à prova de balas, várias pistolas e um fuzil kalashnikov, informaram fontes policiais.
Mais cedo, fontes afirmaram que a polícia realizava “dezenas” de operações nos meios islamitas, como parte do estado emergência decretado pelo governo após os atentados de sexta-feira.

Deixe seu comentário