Em vídeo, Estado Islâmico ameaça atacar Rússia “muito em breve”

CAIRO (Reuters) – O Estado Islâmico divulgou um vídeo ameaçando atacar a Rússia “muito em breve” como vingança aos bombardeios russos na Síria, disse a organização de monitoramento SITE nesta quinta-feira, e o Kremlin afirmou que os serviços de segurança russos irão analisar o material.

O Centro de Mídia Al-Hayat, a divisão de mídia em língua estrangeira do grupo extremista, divulgou um vídeo em russo com cantos de “em breve, muito em breve, o sangue vai ser derramado como um oceano”, afirmou a SITE.

O Estado Islâmico já havia convocado ataques à Rússia e aos Estados Unidos como vingança pelas ações aéreas contra os seus militantes na Síria.

Autoridades de inteligência ocidentais suspeitam que o grupo sunita extremista colocou uma bomba no avião de passageiros russo que caiu na península do Sinai, no Egito, matando 224 pessoas, em 31 de outubro.

Os militantes do Estado Islâmico que combatem as forças egípcias no Sinai disseram ter derrubado o avião que levava de volta para casa turistas russos que estavam no balneário egípcio de Sharm al-Sheikh.

As agências russas vão sem dúvida examinar o vídeo, disse o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, nesta quinta-feira.

“Eu não sei sobre a autenticidade do vídeo. Eu não sei sobre a autenticidade dessas fontes, mas em qualquer caso, sem dúvida, esse material vai ser avaliado pelos nossos serviços especiais”, declarou Peskov a jornalistas.

(Por Michael Georgy, com reportagem adicional de Lidia Kelly, em Moscou)

 

Deixe seu comentário